Dicas de Como Economizar Dinheiro

Como já dizia Benjamin Franklin em seu famoso ensaio chamado O Caminho da Riqueza, “Se pretende enriquecer, pense em economizar tanto quanto em ganhar”. E essa máxima infelizmente não é muito lembrada por aqui.

De 2008 pra cá o dinheiro não gasto em consumo pelos brasileiros caiu de 19% para 14% do PIB. Claro que esse aumento do consumo se deve, em grande parte, aos cortes de impostos em automóveis e eletrodomésticos, porém a logo prazo essa falta de poupança doméstica pode acarretar problemas.

images

Uma melhor educação financeira deve estar entre seus objetivos para alcançar o sucesso e uma vida econômica estável e confortável no futuro.

Seguindo algumas dicas básicas você estará mais perto de realizar alguns sonhos como viajar, comprar sua casa própria, carro, ter uma aposentadoria tranquila…

Além disso, o aumento da poupança doméstica prolongaria o ciclo de expansão do país, pois o sistema se realimentaria positivamente.

O hábito é muito importante para poupar dinheiro. Além disso você pode ganhar na loteria 100% garantido se fizer apostas com inteligência. Traçar uma meta e seguir até que ela se torne parte do seu dia a dia. Defina quais são seus objetivos, estabeleça prioridades e defina prazos realista para alcançar cada meta.

1 – Registre todas as despesas

Antes de mais nada é preciso saber no que você está gastando. Durante um mês registre todos seus gastos.

Para isso não é necessário montar uma planilha complicada no Excel, nem nada disso. Anote em um caderninho mesmo todas suas despesas em um mês, até mesmo aquele cafezinho que você bebe todas as manhãs.

Garanto que você irá se surpreender com o quanto de dinheiro é gasto com coisas simples e que poderiam ser cortadas do seu dia a dia. Analise esse registro e verifique as despesas que podem ser cortadas.

2 – Defina um orçamento familiar e uma meta de economia mensal

Junte toda a família explique a necessidade de cortar gastos, peça sugestões de corte de gastos. Defina o orçamento mensal familiar e tenha o hábito de seguí-lo a risca.

Defina uma meta, tanto porcento do salário irá direto para a poupança. Ou até mesmo para uma aplicação financeira mais rentável, como o Tesouro Direto. Porém lembre-se que é importante ter uma quantia a disposição na sua poupança para imprevistos.

Especialistas aconselham a juntar o equivalente a 6 meses do total de despesas no seu “fundo de emergência”.

3 – Pague suas dívidas

Certamente um ponto fundamental para economizar dinheiro é não ter dívidas. Caso você possua dívidas com cheque especial, cartão de crédito, etc, livre-se primeiro delas. Caso não tenha, não caia nessa armadilha!

Pagar suas dívidas é a primeira maneira de economizar. Os juros cobrados pelas instituições financeiras acabam corroendo todo seu plano de economizar.

Tente amortizar suas dívidas, caso esteja com o pagamento atrasado, entre em contato com o banco e negocie um acordo. A única dívida que pode ser interessante é o financiamento da casa.

Melhor financiamento: Caixa Econômica Federal

4 – Trace um objetivo de cada vez

Ao invés de comprar algo de impulso pagando altos juros no cartão e crédito, planeje a compra. Escolha seu próximo objetivo, pode ser um armário novo, TV, sofá, viagem.loteria

Verifique quanto irá custar e defina um prazo e como economizar para alcançar esse objetivo, mas seja realista.

5 – Guarde seu 13º salário

Antes de sair gastando seu décimo terceiro salário, ou qualquer ganho inesperado, pense em poupar. Lembre-se que quanto mais poupar, mais cedo atingirá seus objetivos maiores.

6 – Não tente compensar anos de desperdício em alguns meses

Quando for aplicar seu dinheiro avalia bem suas opções. Não vá logo aplicando em um investimento que oferece a maior rentabilidade.

Lembre-se que os investimentos que oferecem um maior percentual de remuneração, são também os que possuem maiores riscos de perda. Avalie cuidadosamente a rentabilidade, segurança da aplicação, liquidez e prazo.

Sempre procure bancos e corretoras de comprovada idoneidade. Não vá confiando seu dinheiro a qualquer pessoa.

7 – Economia não é sofrimento

E a dica final é super importante e ajudará na educação financeira de seus filhos, netos, bisnetos…

Desassocie a economia de sofrimento. Muitas vezes os pais castigam os filhos cortando a mesada ou proibindo elas de gastarem com o cartão de crédito.

Por consequência as crianças acabam associando gastar dinheiro com felicidade e economia com sofrimento, castigo.

Ao invés disso incentive seu filho a economizar dando bonificações caso ele consiga juntar o dinheiro da mesada durante certo período ou até atingir o montante X, é preciso fazer ele acreditar que a economia lhe trará benefícios no futuro.

Enfim, essas são algumas dicas básicas de como economizar dinheiro, porém que farão toda a diferença.

veja como ganhar na loteria: http://www.oqueeisso.blog.br/deu-no-poste-ganhar-lotofacil-100-garantido/